Ocorreu um erro neste gadget
RSS

Capão da Onça




Essa Aventura foi realizada por Roberth Dias Benicio, o local é conhecido como Capão da Onça e esta localizado na cidade de Ponta Grossa.




Que ter suas fotos sendo divulgada no site, compartilhar sua aventura  ? 
É simples envie para o email  foradomapa@hotmail.com.br   fotos e a descrição do local.


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Cachoeira Sete Quedas


 Integrantes da equipe fora do mapa deslocaram-se novamente até o bairro do Espalha Brasa para mais uma possível descoberta em meio a um das grandes serras do local.
   Desta vez foram dois integrantes da equipe Alisson e Solange junto com o guia Tony acompanhado da sua esposa Carla que conheciam bem o local, resolvemos explorar o local que segundo o guia existiam ali sete quedas de água de pequeno porte localizadas em um determinado local daquela serra.










    Começamos uma trilha bem tranquila aberta, mais poucos metros a frente a trilha já começava a se fechar, não demorou muito e já estávamos em uma mata bem fechada e de difícil acesso, o local estava bem molhado e a trilha bem liza e escorregadia mais o que não deixava ninguém desanimar era o grande barulho de água vindo das quedas à frente.
  Depois de andarmos aproximadamente 2 km pela trilha conseguimos avistar a primeira queda de água que já deu muito mais animo a equipe.




   Depois de passarmos pela primeira queda de água os trilheiros começaram uma descida por dentro da água para localização das outras seis quedas, depois de poucos metros de decida os trilheiros avistaram a segunda queda de água já era bem visível maior o volume de água.




   Depois de se refrescar um pouco na segunda queda d'água a equipe continuou a descida rumo a próxima queda, ao chegar na queda os aventureiros depararam-se com  pequenas cavernas construídas pela natureza.
   Cada vez  a trilha estava ficando mais difícil mata muito fechada e locais de difícil acesso,  andamos mais um pouco e chegamos a quarta queda de água.






   O volume da água era cada vez maior e a paisagem cada vez mais bonita os locais eram impressionantes, então chegamos na quinta queda, então surgiu um comentário sobre o nome daquele local, como o nosso guia e morador da região não conhecia nenhum nome especifico para aquelas quedas, os aventureiros resolveram à chamar de AS SETE QUEDAS.






    Andamos mais alguns metros e avistamos a sexta queda, que era de tamanho razoável mais com grande volume de água, ficando assim difícil o acesso para a ultima queda, mais como já havíamos chegado ate ali não poderíamos desistir tão fácil.





   Ao avistarmos a sétima e ultima queda de água os aventureiros já demostravam sinal de cansaço, após mais ou menos uns 3 km de mata muito fechada e de difícil acesso, mais já estávamos com o dever comprido e as quedas de água com certeza valeram todo o esforço de todos.







  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Sua Aventura



Que ter sua aventura divulgada ?

Mande uma foto  de qualquer lugar do mundo que você esteve em contato com a natureza, com  descrição do local e seus dados.

Envie para o email  foradomapa@hotmail.com.br

Publicaremos uma foto por semana no site, junte se a nos compartilhe suas aventuras...

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Cachoeira da Paulina

A Cachoeira da Paulina esta localizada a 15 km de Piraí do Sul sentido Ventania PR 090, quando você ver a placa da Pousada Serra do Piray é só seguir a orientação  que te levará  À propriedade do Sr.Emerson, dono da pousada.
Ele cobra uma  taxa de R$ 6.00 por pessoa, se você agendar o passeio ele te guiará até a cachoeira e ainda te mostrara a pinturas rupestres que se encontram no local.
 Nosso objectivo naquele dia era somente conhece a cachoeira, quando cheguemos em sua propriedade fomos informado pela sua mulher, que o emerson se encontrava na trilha, provavelmente retornando com um pessoal.





Pedimos algumas informações sobre a trilha, e em qual direcção ficaria a cachoeira, então peguemos as mochilas e partimos em mais uma aventura. A trilha esta bem demarcada, a principio parecia não ter erro algum, não demoro muito encontremos com o pessoal que estava retornando, paremos pra pedir mais algumas informações sobre o caminho, emerson muito animado fez algumas brincadeiras e  nos passo mais algumas dicas.
Continuemos seguindo a trilha como tinha chovido dia anterior os rastros deixados eram evidentes não teria como dar nada errado, não demoro muito logo já conseguimos ver a cachoeira, foi animação geral. Cheguemos a um capão de mato que tínhamos  como referencia.

Continuemos seguindo a trilha e os seus rastros, passemos o capão de mato e lembremos, que o emerson tinha nos  falado que quando chegássemos ao capão de mato haveria dois pinheiros, ai teríamos que começa desce a serra,  mais a nossa frente dava pra ver outro capão de mato e os rastros  continuavam, então a equipe continuo em  frente. A cachoeira foi ficando para trás, as pegadas já não eram tão evidentes,   então resolvemos começar a descer pra ver se achava uma nova trilha mais abaixo, acabemos pulando uma fenda através de uma árvore, descendo pedras com ajuda de corda, cheguemos até a mata fechada e  nada de trilha. Acabo restando duas opções uma era  subi novamente e desce no primeiro capão de mato ou abrir uma nova trilha na mata fechada, sempre em linha reta á cachoeira.


Escolhemos a segunda opção, agora estávamos nós abrindo uma nova trilha,   quem já esteve em mato fechado sabe das dificuldades que não é pouco, exige paciência, atenção e determinação, foi então que surgiu um comentário engraçado sobre o nome da equipe que faz total sentido Equipe Fora do Mapa, demoro algum tempo finalmente cheguemos no nosso objectivo, acabemos chegando pelo rio que se forma com a água da cachoeira, com cara de cansado, sujo e um facão na mão usado pra abrir a trilha,  nos só esperava que não estivesse ninguém na cachoeira, pois imaginem a cena de nos chegando naquela situação.

Querem sabe se valeu a pena confiram as fotos e  vídeo, uma das cachoeiras mais bonitas que já conhecemos.







Vídeo




Na volta encontramos a trilha correta, fato que gerou muita risada de ver o ponto aonde deveríamos ter descido, mais como toda  aventura nos traz sempre um aprendizado dessa vez foi. ''Jamais desista dos seus objectivos, não importa as dificuldades os obstáculos enfrentados, mantenha o objectivo sempre em  sua mente que uma hora você será recompensado.''




  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Lago Verde - Pedreira do Rubinho



A Equipe Fora do Mapa resolveu fazer um trekking até o Lago Verde, conhecida também como Pedreira do Rubinho, já tivemos a oportunidade de conhecer o local anteriormente, mais dessa vez resolvemos encarar o trajecto de 26 km entre ida e volta, com uma caminhada.





Os 26 km foram percorridos em  4 horas e 30 minutos, com um sol de  29ºC sobre nossas cabeças,  a caminhada foi bem cansativa. O local é bem interessante tendo o Lago como principal atractivo, por causa da sua grande profundidade a coloração de sua água representa ser verde, já que muito se fala sobre qual seria sua profundidade exacta a equipe aproveito para fazer algumas medidas no Lago, nossas medidas marcaram 19 metros de profundidade.











Clique na Imagem para ampliar






Outro fato interessante fica por conta de suas grandes paredes de pedra, foram feito estudos e descoberto que se tratava de rochas vulcânicas, o local existe a mais de 500 milhões de ano e era uma encosta de vulcão.

















Apesar de ser um local muito bonito, deve se tomar muito cuidado, nunca tentar escalar as rochas na ou nadar no lago.O acesso mais fácil ao local fica pela PR 151,na  entrada de acesso a Iguaçu Celulose, percorre uns 5 Km a frente por estrada de terra.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Cachoeira do Butiá

A cachoeira do Butiá  fica a 15 km da cidade de Piraí do Sul e já é conhecida por grande parte da população, e não poderia fica de fora da lista de lugares que a equipe fora do mapa tem para explorar.
O caminho pode ser feito de carro até o pé da serra aonde começa um trilha pela mata, cerca de 30 minutos de caminhada subindo a serra até chegar na cachoeira.














Estivemos algumas vezes no local, que sempre tem algo novo para nos mostrar, além da cachoeira que em época de chuva podemos precensia  um grande espetáculo da natureza, com aproximadamente 70 metros de queda livre. Que vocês poderão ver no video e imagens  abaixo.




Na foto a seguir uma comparação da cachoeira em época de seca em relação a dias chuvosos.


Antes



Depois

Acima da cachoeira existe um lajeado com  pequenos lagos de água transparente ótimo para nadar, ou simplesmente se divertir com  amigos e familiares.





















E não para por ai as atrações do local, que conta com algumas formações rochosas que chamam atenção por suas formas curiosas.











A equipe em sua ultima visita acabou encontrando uma fenda,  iniciemos a exploração mais por falta de equipamentos que não tinhamos no  momento e  garantiam nossa segurança, tivemos que obta por deixa para uma próxima vez.
Ainda não sabemos aonde a fenda vai nos levar, e que surpresas nos esperam,  mais em breve estaremos trazendo novas informações da fenda descoberta pela equipe.


Não percam as aventuras realizadas pela equipe fora do mapa, muita coisa vem por ai.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS